sábado, dezembro 16Saúde. Gestão e Consultoria

O que é foliculite?

O que é foliculite?
Classifique

Bolinhas vermelhas que aparecem no rosto, no pescoço, na área da barba e na virilha podem ser foliculite. Mas, o que é esta tal de foliculite?

Foliculite
Foliculite

A foliculite tem aparência semelhante à acne ou espinha, mas o tratamento é bem diferente. Ela é uma inflamação de um ou mais folículos pilosos (pelos encravados), mas também pode acontecer devido a uma infecção por bactérias, provocando o surgimento de vermelhidão na pele e pequenas bolhas de pus, semelhantes à acne, que causam queimação e coceira.

Os folículos estão presentes em todo o corpo, com exceção da palma das mãos, planta dos pés, membranas mucosas como por exemplo, os lábios.

O diagnóstico é clínico, podendo eventualmente ser necessário teste laboratorial pois seu tratamento é feito com antibióticos tópicos e orais, sendo recomendado lavar a região adequadamente, evitar lâminas de barbear, e em alguns casos usar compressas mornas.

A foliculite pode ser de dois tipos:

Superficial: é a mais comum e efeta apenas a parte superior do folículo piloso. Ela se apresenta com pequenas espinhas vermelhas, com ou sem pus, que se desenvolve ao redor de folículos pilosos, podendo ocorrer coceira no local;

Profunda: apesar de ser mais rara, é uma espécie de complicação da foliculite superficial, podendo, inclusive, levar ao surgimento de um furúnculo. A lesão é maior, sendo que a região afetada fica muito sensível e dolorida, podendo levar à destruição do folículo piloso.

Geralmente, a causa mais comum de foliculite é a bactéria Staphylococcus aureus. As causas mais comuns de danos ao folículo capilar incluem:

  • Lesão ao se barbear ou atrito provocado por roupas muito apertadas;
  • Transpiração excessiva;
  • Condições inflamatórias da pele, como dermatite e acne;
  • Lesões gerais da pele, como escoriações ou feridas cirúrgicas;
  • Curativos de plástico ou fita adesiva aplicados sobre a pele.

Foliculite nas nádegas e virilhas: a foliculite nas nádegas e virilhas é mais frequente após estar em locais aquáticos, como piscinas ou banheiros de hidromassagem, pois são áreas que ficam molhadas por mais tempo.

Foliculite nas pernas: a foliculite nas pernas, geralmente, é provocada por uma infecção na pele causada por bactérias que entram em pequenas feridas, provocadas pela depilação e, por isso, também pode surgir noutras partes do corpo, como costas ou braços.

Foliculite no couro cabeludo: a foliculite no couro cabeludo é um problema raro provocado pelo desenvolvimento de fungos. Nos casos mais graves, a foliculite no couro cabeludo pode provocar queda de cabelo acentuada até que o tratamento comece a apresentar efeito.

Vale ressaltar a importância de não se utilizar esfoliantes no local, aparelhos ou roupas que provoquem atrito. É indicado lavar o local 2x ao dia com apenas um sabonete líquido antisséptico além de manter o local sempre bem seco.

Gostou do artigo? Nos escreva e compartilhe com seus amigos!

Artigos relacionados

The following two tabs change content below.
Farmacêutica generalista, Pós Graduada em Cosmetologia Clínica pelo Instituto IPUPO e Pós Graduada em Farmacologia Clínica pela UCDB. Trabalhou durante 7 anos em farmácias (drogaria e manipulação) de onde carrega larga experiência no atendimento à clientes, dispensação de medicamentos, atenção farmacêutica e treinamento de colaboradores. Também lecionou durante 7 anos em cursos técnicos na área de saúde além de coordenação. Atualmente é coordenadora da Comissão Técnica no CRF/Piracicaba e Farmacêutica Clínica - Hospitalar no Hospital dos Fornecedores de Cana/Piracicaba.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.