sexta-feira, dezembro 15Saúde. Gestão e Consultoria

Na Drogaria: orientações sobre soros de reidratação

Na Drogaria: orientações sobre soros de reidratação
Classifique

Tempo de férias, época de muito sol, piscina, praia… E com toda diversão, ficamos suscetíveis a insolações, queimaduras, viroses (com vômito e diarréia). Com este quadro, torna-se essencial a reidratação oral que pode-se dar com a ingestão de muito líquido, como água, reidratantes e soros.

soros
Soros de reidratação

 

Desidratação: conjunto das alterações decorrente da perda de água do organismo, que pode ocorrer por via cutânea, digestiva, renal e respiratória.

Soro de Reidratação Oral: é utilizado para prevenção e tratamento da desidratação causada por vômitos e diarréia aguda em adultos e, principalmente, em crianças.

Preparo Soro Caseiro: 1 litro de água mineral filtrada + 1 colher (de café) de sal + 1 colher (de sopa) de açúcar
Cuidados: as medidas devem ser corretas para evitar problemas à saúde do indivíduo. Durante a preparação, é preciso ter cuidado com a higiene das mãos, utensílios e ingredientes. Cada preparação tem validade de 24 horas.

Exemplos de Soros Comerciais:

Pedialyte e Floralyte: após aberto, devem ser consumido em 24 horas mesmo em refrigeração. A frequência da ingestão é quantas vezes for possível no dia.
Pedialyte/Floralyte 45: é indicado nos casos de vômitos e diarréias aguda, para EVITAR a desidratação
Pedialyte/Floralyte 90: indicado nos casos de TRATAMENTO da desidratação
Rehidrat envelope: após seu preparo, deve ser consumido em 24 horas;
Hidrafix flaconetes: cada flaconete deve ser diluido em 250mL de água potável. O recipiente deve ser mantido fechado e consumido em 24 horas.

The following two tabs change content below.
Farmacêutica generalista, Pós Graduada em Cosmetologia Clínica pelo Instituto IPUPO e Pós Graduada em Farmacologia Clínica pela UCDB. Trabalhou durante 7 anos em farmácias (drogaria e manipulação) de onde carrega larga experiência no atendimento à clientes, dispensação de medicamentos, atenção farmacêutica e treinamento de colaboradores. Também lecionou durante 7 anos em cursos técnicos na área de saúde além de coordenação. Atualmente é coordenadora da Comissão Técnica no CRF/Piracicaba e Farmacêutica Clínica - Hospitalar no Hospital dos Fornecedores de Cana/Piracicaba.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.