“De 10% a 15% dos problemas com peso são relacionados a medicamentos”, diz Louis Aronne, MD, diretor Weill Cornell Medical College.Alguns remédios podem fazer você sentir mais fome. Outros retardam a capacidade do seu corpo de queimar calorias ou fazer com que você retenha líquidos.No entanto, os efeitos não são os mesmos para todos. “Uma pessoa pode ganhar 15 quilos tomando um medicamento e outro pode ganhar nada “, diz Aronne.

Se suspeitar que os medicamentos que  você toma estão por trás do seu ganho de peso, não os deixe antes de falar com o seu médico. “Você pode precisar dessa droga para salvar sua vida”, diz Donald Waldrep, MD, co-diretor do Centro de Cirurgia da perda de peso em Los Robles Hospital.

Você pode mudar para outro medicamento, incluindo um que pode até mesmo ajudá-lo a perder peso. Se não, seu médico pode sugerir o que você deve fazer para compensar o ganho de peso.

Gordura na região da cintura
“Pneuzinhos”

Abaixo estão alguns tipos de medicamentos que podem ser a causa dos seus “pneuzinhos”. Não é uma lista completa, por isso, fale com seu médico se você tiver qualquer preocupação sobre suas medicações.

Medicamentos de Depressão

Quais:

  • citalopram ( Celexa )
  • fluoxetina ( Prozac )
  • fluvoxamina ( Luvox )
  • mirtazapina ( Remeron )
  • paroxetina ( Paxil )
  • sertralina ( Zoloft )

O seu médico pode chamar esses “ISRS” (inibidores seletivos da recaptação da serotonina) ou “tricíclicos antidepressivos .” Eles aumentam a quantidade de certas “sensações boas” produtos químicos em seu cérebro . Alguns desses produtos químicos também controlam o apetite e como seu corpo quebra as calorias.

“Você pode comer, mas não se sentir cheio”, diz DeCotiis. “Ou você pode absorver mais gordura, mesmo se você não está comendo mais.” Esse é o caso, especialmente no longo prazo. Alguns antidepressivos podem engordar até 10 kg em um ano.

Tenha em mente que a depressão em si pode afetar o apetite e hábitos alimentares. Seu médico ou farmacêutico pode ajudá-lo com isso.

Fonte: WebMD