sábado, dezembro 16Saúde. Gestão e Consultoria

Na drogaria: Tipos de Terapêuticas Anticoncepcionais – Parte I

Na drogaria: Tipos de Terapêuticas Anticoncepcionais – Parte I
Classifique

Os anticoncepcionais hormonais combinados orais (AHCO) ou pílulas anticoncepcionais são comprimidos que tem em sua base a utilização de uma combinação de hormônios, geralmente estrogênio e progesterona sintéticos, que inibe a ovulação. Os anticoncepcionais orais também modificam o muco cervical, tornando-o hostil ao espermatozoide.

Anticoncepcionais
Anticoncepcionais

O hormônio sintético é uma substância processada e manipulada em laboratório e pode gerar mais efeitos colaterais que o hormônio natural ou bioidêntico . O anticoncepcional hormonal combinado oral (AHCO) é considerado um medicamento eficiente na prevenção da gravidez e seu índice de falha é de 0,1%.

  • Para os combinados (Estrógenos + Progestágenos)
  1. Terapêutica monofásica: combinação de estrógeno e progesterona em drágea (20 a 21 dias). Sua utilização deve ter início entre o primeiro e o quinto dia da menstruação e termina quando a cartela acabar. Depois, é necessário parar por 7 dias;
  2. Terapêutica bifásica: dose progesterona varia 2x ao longo do ciclo artificial e o estrógeno não muda;
  3. Terapêutica trifásica: progesterona varia três períodos e estrógenos duas vezes (mimetizar o ciclo menstrual)

 

  • Para os não combinados
  1. Microdose: não é anovulatório. Usa-se progestágenos de baixa dosagem, puro, de uso contínuo, em uma série de 35 comprimidos. Sua ação contraceptiva se dá por modificações no muco cervical e endométrio. É indicada durante a amamentação, pois este método não interfere com a produção de leite.

 

Estrógeno + Progestógeno = Etinilestradiol 15-50mcg

  • 1ª geração: noretindrona
  • 2ª geração: norgestrel e levonorgestrel
  • 3ª geração: desogestrel, gestodene, norgestimato, ciproterona
  • 4ª geração: drospirenona, dienogest

Artigos relacionados

The following two tabs change content below.
Farmacêutica generalista, Pós Graduada em Cosmetologia Clínica pelo Instituto IPUPO e Pós Graduada em Farmacologia Clínica pela UCDB. Trabalhou durante 7 anos em farmácias (drogaria e manipulação) de onde carrega larga experiência no atendimento à clientes, dispensação de medicamentos, atenção farmacêutica e treinamento de colaboradores. Também lecionou durante 7 anos em cursos técnicos na área de saúde além de coordenação. Atualmente é coordenadora da Comissão Técnica no CRF/Piracicaba e Farmacêutica Clínica - Hospitalar no Hospital dos Fornecedores de Cana/Piracicaba.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.